Revista Eletrônica Estácio Saúde, Vol. 5, No 1 (2016)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

ATUAÇÃO E ESTRATÉGIAS DO ENFERMEIRO NA RESSOCIALIZAÇÃO DO PACIENTE ESQUIZOFRÊNICO

Bruna de Oliveira Zóccoli, Fernanda Prado, Mariana da Silva Roldão, Valdete Prevé Pereira

Resumo


Abordando a saúde mental, a presente pesquisa objetiva conhecer as estratégias do enfermeiro profissional da saúde mental que visam à ressocialização dos pacientes esquizofrênicos. Trata-se de um estudo qualitativo, desenvolvido nos CAPS (Centro de Atenção Psicossocial) da grande Florianópolis e região metropolitana adjacente. Realizou-se uma entrevista com sete profissionais através de um questionário elaborado pelas autoras. Na análise dos dados, foram identificadas as estratégias de abordagem do enfermeiro em relação a pacientes esquizofrênicos, ressaltando-se os cuidados prestados; também se observa as dificuldades encontradas durante o processo e os objetivos de cada intervenção realizada, as quais foram incluídas e apresentadas em quatro categorias. Ao final do estudo, concluiu-se que há dificuldades para se estabelecer uma definição geral da atividade do enfermeiro, havendo a necessidade de treinamento, aperfeiçoamentos, discussões e investimentos para que o profissional enfermeiro possa exercer o seu papel na ressocialização.

 


Texto Completo: PDF

Resultado de imagem para latindex